Deixe-me pensar!

Aprender a pensar é a meta do Programa de Enriquecimento Instrumental (PEI), método que propõe atividades que partem do abstrato para o concreto. São aulas com duração de 50 minutos ministradas semanalmente para os alunos do Ensino Fundamental II (6º ao 9º ano).
O programa aplicado no Carl Rogers desde o ano de 2007 traz um ganho qualitativo para aqueles que apresentam dificuldades de aprendizagem e proporcionam maximizar funções cognitivas dos alunos em geral. Apesar de muito pouco conhecido, os alunos aceitam muito bem e os resultados são compensadores. A proposta não é ensinar conteúdos, mas desenvolver as funções cognitivas que são um sistema de energia mental, que, ao entrar em movimento e articulação entre si, produzem as operações mentais responsáveis por todo nosso raciocínio.
O programa baseia-se na teoria da modificabilidade cognitiva do psicólogo e professor romeno Reuven Feuerstein que só pode ser aplicado por quem tiver feito o curso de formação de mediadores, habilitado-se na Experiência de Aprendizagem Mediada a qual objetiva: significado, intencionalidade, reciprocidade e transcendência no processo.As principais metas do PEI são:

  • Corrigir deficiências cognitivas;
  • Formar hábitos cognitivos corretos;
  • Desenvolver conceitos, estratégias e operações mentais;
  • Desenvolver auto avaliação;
  • Proporcionar pensamento reflexivo;
  • Promover alunos geradores ativos de informações.
Educação para o pensar é uma proposta pedagógica que se preocupa em maximinizar o potencial dos nossos alunos, tornando-os cada vez mais inteligentes, para isso, trabalhamos no Fundamental I, atividades de raciocínio lógico, enquanto que no Fundamental II, o PEI básico oportuniza atividades que incluem descoberta, aprendizagem e aplicação de regras, princípios, operações, estratégias e outras técnicas para aumentar a cognição.
Em 2011 daremos continuidade com aplicação do PEI – 2 destinado ao Ensino Médio e PEI Básico para as crianças em processo de alfabetização (1º Ano). O material do Programa consiste em vários exercícios em papel e cada um tem foco em uma função cognitiva particular.
A nossa escola oferece aos seus alunos através do PEI e da Experiência de Aprendizagem Mediada uma das mais eficientes tecnologias educacionais, um privilégio que poucas escolas dispõem. Gosto desse trabalho e me realizo acreditando que possibilito aos meus alunos autoconfiança, aprendizagem significativa, além de excelente vínculo professor x aprendente.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s